Vitalismo

Vitalismo

Quando falamos em vitalismo, devemos distinguir a doutrina da Escola de Montpellier1 , segundo a qual um princípio vital rege os fenómenos da vida, por um lado, e por outro lado qualquer teoria que se opõe a uma redução da vida aos seus caracteres psico-químicos e recorre a um força vital distinta da matéria2.

Portanto, o vitalismo é um conceito muito alargado e com muitas noções diferenciadas. Seja como for, o vitalismo baseia-se sempre em uma concepção imanente da realidade e, por isso, ou não considera a transcendência, ou remete a transcendência para um plano secundário.


Editado por (OBraga)

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License