Acontecimento

Acontecimento

A noção de acontecimento é muito antiga, remontado aos primeiros aristotélicos que se questionavam acerca da validade da narrativa cronológica, o que não era muito clara para os Gregos. À medida em que a informação histórica se acumula, o historiador tem necessidade de escolher entre acontecimentos do passado, quer para os narrar o mais concretamente possível (“história factual”), quer para lhes aplicar um método de análise, o qual desemboca sempre numa descrição em termos de causalidade – e neste último caso, a selecção dos acontecimentos reflectirá a ideologia do historiador.

É essa a razão por que se torna difícil discernir, num acontecimento recente, se este é de facto “importante”. A filosofia da História surge, assim, ferida de contradição, na medida em que deve aprender a lição da História, por um lado, e, por outro lado, deve “recomendar” ao historiador a utilização deste ou daquele método, concluindo por uma determinada opção para ajuizar e comentar acontecimentos.

Editado por (OBraga)

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License